Entenda a reforma do ensino médio

O ensino médio vai passar por mudanças! A lei estabelecida pelo antigo presidente, Michel Temer, irá implicar em algumas questões que tem sido muito discutidas ultimamente. Mas quais são elas?

O primeiro assunto -e talvez o mais polêmico- é a flexibilidade dos estudos. De acordo com essa opção, o aluno poderá decidir qual matéria irá estudar, optando por linguagens, matemática, ciências da natureza, ciências humanas/sociais e formação técnica/profissional, tendo português, matemática e inglês como disciplinas obrigatórias.

É importante lembrar que 60% dos conteúdos serão, obrigatoriamente, regulados pela BNCC (Base Nacional Comum Curricular), e os 40% restante fica para o aluno aprender as matérias escolhidas, também previamente determinadas.

Antes da mudança, era cobrado que o aluno tivesse 800 horas de carga horária em 200 dias letivos. A partir da nova lei, será cobrada uma nova carga das escolas, que deverão se adaptar até os próximos cinco anos. Serão 1000 horas para a mesma quantidade de dias.

E está lembrado da repercussão causada pela exclusão das aulas de Educação Física, Artes, Filosofia e Sociologia? Não terá mais! Essas matérias continuarão presentes na grade dos estudantes nos três anos.

Conseguiu entender um pouquinho mais sobre a reforma do ensino médio? Aos poucos as escolas vão se adaptando a este novo formato. E você, o que achou desta mudança?

Para quem se interessou sobre esse assunto e gostaria de mais informações, assista ao vídeo da TV Poliedro clicando aqui: https://www.youtube.com/watch?v=yWY_nmAdQKs

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *